Menu

Step Up your Game – Capítulo 1 – A sala de treino




Capítulo 1 – A sala de treino

Tradução por Caio “Nolan” Padoan

Revisão por Mário “Vegasz” Sogari

Link para o artigo original


Muitos jogadores perdem no calor da batalha porque eles travam. Travar significa que o jogador poderia ter vencido a partida mas ele dropou o combo ou o hit que lhe daria a vitória. Uma das ferramentas mais importantes para se ter como jogador de jogos de luta é uma execução REALMENTE boa. Se você acerta um golpe “limpo” no seu oponente, é bom você fazer o golpe contar e te deixar mais próximo da vitória.

Quando eu era criança, eu sentava no arcade (não era possível jogar esses jogos nos consoles daquela época) por 5-6 horas todos os dias das minhas férias de verão e praticava os meus combos ininterruptamente. Essa prática surtiu 3 efeitos:

  • Melhorou a minha execução drasticamente;
  • Me fez descobrir novos combos/setups/mix-ups/frame traps/safe jumps/option selects/punições;
  • Me fez conhecer mais sobre o meu personagem.

Praticar combos e execução lhe ajuda muito porque isso constrói um tipo de memória muscular nos seus dedos, fazendo com que o seu corpo entenda quando você precisa fazer um combo e quando você atinge o oponente. Isso também lhe ajuda a vencer com mais consistência e até a atingir melhores colocações nos campeonatos. Combos práticos sempre são importantes para qualquer tipo de partida: seja casual, de torneio, negas contra rivais e mesmo partidas valendo dinheiro. Ficar no modo de treino praticando o Shoryuken do Ryu, FADC seguido de Metsu Hadouken (Ultra 1) umas cem vezes pode ser entediante mas definitivamente servirá de ajuda para situações decisivas. Mas, como jogador, você deveria treinar todo o tipo de combos muitas vezes para garantir que você não vá falhar com eles. Você pode até praticar frame traps, safe jumps, option selects e outras situações comuns para que você não tenha que “reagir” a ela. A questão se tratará como um conjunto de conhecimentos.

“Situação comum” pode significar uma série de coisas. Um bom exemplo é de quando o seu oponente faz um EX Psycho Crusher. Alguns personagens podem punir essa opção evasiva, mas muita gente não o faz por simplesmente não ter praticado essa situação. Eu tenho certeza de que eles têm em mente como punir o golpe, mas como os seus olhos e mão não estão treinados para a situação, é mais difícil fazê-lo.

Quando você fica no modo de treino por muito tempo você acaba enxergando o seu personagem de maneira diferente, e até mesmo desenvolve maneiras para lidar com certas matchups. Você pode descobrir novos e diferentes combos que podem não ser práticos, mas que lhe ajudam a melhorar sua execução. Você também pode encontrar novos setups e safe-jumps para matchups específicas. Eu acredito que uma das melhores coisas que o modo de treino pode fazer pra você é a gravação da situação que você gostaria de punir.

Algumas das coisas que eu pratiquei no modo de treino:

  • Como fazer auto correct contra cross-ups;
  • Como punir numa janela de 1-frame contra um Dash Punch do Balrog;
  • Como fazer Option Select de arremesso contra personagens de dive kick.

Existem muitas outras situações comuns/punições/etc contra as quais você pode praticar.

O regime de treino do Justin Wong

Todo mundo tem uma abordagem diferente no modo de treino. Quando eu vou pra sala de treino, isto é o que eu faço basicamente :

  • Eu pratico combos feijão com arroz por uns 30 minutos. Por exemplo: se eu estiver jogando de Rufus, eu treinaria o seu divekick, s.LK x2, s.HP xx HP.Galactic Tornado e outros combos necessários.
  • Eu pratico situações únicas contra muitos personagens por 20 minutos. Por exemplo: como Rufus, eu treinaria auto correct do meu Ultra 1 contra o crossup air.Tatsu do Akuma.
  • Eu exercito zoning, counter pokes e footsies por 20 minutos. Por exemplo: como Rufus, eu treinaria a utilização do seu c.HK (rasteira). Se você assistir à minha partida contra o Mago na EVO de 2011, toda vez que eu estive fora do alcance do s.HK do Sagat eu apliquei uma rasteira com o Rufus.

  • Eu pratico minhas frame traps com o personagem por 10 minutos. Por exemplo: como Rufus, muitos personagens podem fazer option select contra arremesso após o dive kick do Rufus. O Ryu pode soltar c.MP e então o input de tech throw para impedir tanto dive kicks quando arremessos. Para contornar a situação você deve fazer uma frame trap com s.MP, o qual acertará em counter hit permitindo uma sequência de c.LP xx EX Tornado (Saiba que existem outras opções de frame traps).
  • Eu exercito meus option selects por 20 minutos. Por exemplo: o Rufus pode não ter muitos option selects, mas há um muito interessante contra C. Viper. Depois de acertar um hard knockdown, assim como depois de um arremesso pra trás, se a C. Viper fizer um wake up EX Seismo, você pode colocar em buffer o LK.Messiah Kick para vencer dessa opção.
  • Free style por 10 minutos. Por exemplo: depois de ter realizado o grosso do meu regime de treino, eu simplesmente fico brincando e fazendo combos aleatórios. Eu faço isso para estimular algum insight ou momento de Eureka!

Não há nada de errado em ser um monstro da sala de treino. Isso faz você aprender o máximo do seu personagem porque você está criando familiaridade com ele e isso o faz também cobrir problemas que você encontra em matchups específicas. Esse método também lhe fornece mais conhecimento sobre o jogo e te deixa mais confiante dentro da atmosfera de um torneio.


Comments

comments

No comments

Deixe uma resposta

Vídeo do dia!

Entrevista com a Galera