Menu

Step Up your Game – Capítulo 19 – Piloto-automático para perder ou para ganhar!




Capítulo 19 - Piloto-automático para perder ou para ganhar!

Tradução por Mário "Vegasz" SogariLink para o artigo original

Revisão por Caio "Nolan" Padoan



Com uma porção de gente jogando online, quantos aqui lendo este material lembram de como ganharam ou como perderam uma partida?

EU certamente não me lembro de todos os detalhes, mas eu sei que meus amigos me lembram de situações específicas, porque eles estão olhando minhas partidas enquanto eu jogo.

E por que isso? Simplesmente porque quando você está jogando, todos tendem a seguir uma sequência de piloto-automático, o que pode ser bom ou ruim, baseado no jogador que você enfrenta - mas no fim das contas, não é algo que você deva se orgulhar.

Também não é muito fácil de pensar enquanto você está numa situação de alta pressão, mas pode ser feito se você sabe quais são seus hábitos de piloto-automático.

Exemplos de piloto-automático:

  1. AE2012 - Quando você spama Focus Attack de novo e de novo, mas você continua fazendo mesmo depois de ser punido por isso (*tosse* Fei-Long *tosse*)
  2. UMVC3 - Quando você se compromete a uma blockstring contra o âncora de um oponente, mas então você toma um X-Factor Cancel na cara e morre (é isso que o Vergil faz de melhor)
  3. Killer Instinct - Quando alguém levanta com wakeup instinct quando não tinha ameaça nenhuma de um mixup (praticamente todo mundo faz isso, até mesmo eu).
  4. AE2012 - Rose fazendo seu cr.MP --> Soul Spiral de novo e de novo ("síndrome de Arturo")

E a lista continua em cada jogo... Mas, pra que fazer isso então? É simples... É porque o jogador provavelmente não está condicionado a ser punido pela sua jogada, ou então ele nem sabe que é possível ser punido.

É verdade, por que parar de fazer algo que funciona contra seu parceiro de treino, cena local, etc.?

Se você jogar de Cammy na AE v2012, e você acerta seu combo básico em HK Spiral Arrow, a maioria das vezes o jogador médio de Cammy vai tentar pular ou fazer um dive kick no oponente porque ele vai levantar rápido e ser acertado. Não há motivo para parar, mas tem um risco nisso.

O risco é jogar contra alguém que pode expôr suas tendências de piloto automático e por causa disso, 9 de cada 10 vezes você "não vai saber por que perdeu".

A única coisa que você pode pensar é que o outro jogador jogou melhor do que você. Mesmo que você assista ao replay da partida, pode não ser que foram as pequenas coisas que acabaram afetando a sua partida de forma dramática.

Pode ter sido por causa de qualquer partida antes daquela, e essa foi a razão de você ter perdido, porque você estava tão confortável no seu piloto-automático contra alguém que não é um veterano no jogo.

Como resolver a situação:

A maneira de consertar isso é olhar para duas partidas que você teve no mesmo torneio ou dia de treino, juntando uma que foi uma vitória e uma que foi uma derrota.

Compare ambas as partidas e veja o que você fez parecido, e veja se isso afetou a partida - de uma maneira boa ou ruim.

Um dos meus exemplos de piloto-automático é que quando eu jogo de Rufus, eu acerto um back throw mid screen e então eu pulo com HP. Isso não é um safe jump!

Você pode sempre fazer um 5 Frame Reversal naquele j.HP, mas algumas vezes eu esqueço disso e faço mesmo assim. Algumas vezes funciona contra meus oponentes e às vezes não, e quando não funciona, eu acabor mudando o embalo da partida a favor do meu oponente.


Eu também tive um jogador de Ken do Texas que veio para mim falando dos seus problemas no AE v2012, sobre como ele não conseguia passar da defesa dos oponentes. Então eu sentei com ele e jogamos um set, daí percebi que toda a vez que ele conseguia um knockdown ele sempre fazia a mesma string de cr.LK --> cr.LP --> Throw. Eu falei isso para ele, mas ele nunca tinha se dado conta até que eu falei...

Vendo as coisas de uma nova maneira:

Isso é algo definitivamente que ter outra pessoa olhando te ajudará. Eu acho que podemos todos concordar que ter um coach sentando do seu lado é algo muito, muito forte.

Daí o exemplo da dupla de destruição Infiltration + Laugh.

Olhando aqueles dois trabalharem juntos...foram literalmente vitórias impecáveis em tudo que era lugar. Infiltration é um jogador incrível, e ele tem pouquíssimas tendências de piloto-automático, mas com a ajuda do Laugh ao seu lado, ele foi praticamente o jogador mais dominante em 2012 no SSF4:AE e no SFxT.

A única vez em que venci o Infiltration foi na Korea LG Cup, antes do Laugh e ele se fundirem em um só jogador.

A única tendência de piloto-automático que peguei dele foi que quando a partida ficava parada no neutro, ele adorava jogar um st.HK, e com isso eu usava neutral jump e punia ele todas as vezes. Mas depois de um tempo, Infiltration/Laugh literalmente destruiram todos.

Então vá para seu parceiro de treino ou cena local e pergunte: "qual é a chave das minhas vitórias ou derrotas?" ou "o que que eu faço de tão óbvio no meu jeito de jogar?"


Comments

comments

No comments

Deixe uma resposta

Vídeo do dia!

Entrevista com a Galera